Topo
Blog da Infomoto

Blog da Infomoto

Trump apoia boicote contra a Harley-Davidson em disputa comercial

Infomoto

13/08/2018 17h18

Trump recebeu motociclistas que o apoiam e ameaçam boicotar a Harley 

A disputa comercial entre o presidente norte-americano, Donald Trump, que impôs tarifas ao aço produzido na União Europeia e atingiu em cheio a Harley-Davidson teve mais um capítulo no último fim de semana. Trump recebeu um grupo de motociclistas que ameaçam boicotar a marca de Milwaukee caso a produção das motos seja feita fora dos Estados Unidos.Para evitar prejuízos na União Europeia, Harley produziria alguns modelos fora dos EUA

Há alguns meses, a Harley anunciou que poderia mudar a produção de alguns modelos para outras plantas a fim de evitar a sobretaxa que a UE implantou sobre produtos americanos em retaliação às taxas impostas por Trump ao aço e ao alumínio importado da Europa. A União Europeia taxou diversos produtos norte-americanos, entre eles, tabaco, bourbon, calças jeans e as motos – e é aí que entra a Harley.Cerca de 200 motociclistas estiveram em resort de golfe, onde Trump passa férias

A fabricante de motocicletas  anunciou um plano para transferir a produção de motocicletas para o mercado da União Europeia dos Estados Unidos para o exterior, com o objetivo de evitar as tarifas impostas pelo bloco comercial em retaliação às tarifas de Trump sobre as importações de aço e alumínio. "A Harley-Davidson Motor Company atua nos mais diversos mercados e continua acreditando no potencial de todos os países onde tem operação, independentemente de qualquer situação adversa. Para o caso da Europa, não aumentaremos os preços para clientes e concessionárias, absorvendo o significativo impacto das tarifas no curto prazo", declarou a empresa no final de junho.

Bem ao seu estilo de anunciar medidas de governo pelo Twitter, Trump ameaçou a Harley com mais impostos e medidas para atrair concorrentes da marca para produzir nos Estados Unidos. No último domingo (12/8), mais um capítulo da disputa, já que o Presidente dos Estados Unidos recebeu em seu resort de golfe em Bedminster, Nova Jersey, onde está em férias, um grupo de cerca de 200 motociclistas que o apoiam e prometem boicotar a Harley, caso a empresa mude a produção para o exterior.

Além do Brasil, a Harley conta com uma planta fabril na Tailândia, onde produziria as motos para serem vendidas na Europa. Como tem feito desde o início desta disputa entre Trump e a UE, a Harley evitou comentar as atitudes de Trump.

"Muitos proprietários do @harleydavidson planejam boicotar a empresa se a produção mudar para o exterior. Ótimo! A maioria das outras empresas está vindo em nossa direção, incluindo concorrentes da Harley. Uma medida realmente ruim! Os EUA terão em breve condições de igualdade", disse Trump em sua conta no Twitter.Disputa não afeta as operações no Brasil, garante Harley, que tem uma planta em Manaus (AM) 

De qualquer maneira, a subsidiária da marca no Brasil afirmou à INFOMOTO, por e-mail, que "a operação da Harley-Davidson no Brasil segue inalterada e não há qualquer impacto tanto na fábrica quanto em relação aos planos comerciais da companhia para o Brasil". (texto: Arthur Caldeira / fotos Reprodução Twitter e Divulgação)

Infomoto

Arthur Caldeira, jornalista e motociclista (necessariamente nessa ordem) fundador da Agência INFOMOTO. Mesmo cansado de ouvir que é "louco", anda de moto todos os dias no caótico trânsito de São Paulo.

Blog da Infomoto

O blog da INFOMOTO traz novidades, curiosidades, dicas e também os bastidores do mundo de duas rodas. Com uma visão de dentro do capacete.